laudo

Como é a transferência dos laudos veicular?

A compra e venda de veículos usados ou seminovos possuem uma série de burocracias necessárias para que esteja dentro da lei. Sendo assim, para certificar que o veículo esteja em boas condições e que não tenha qualquer adulteração de número de motor e chassi conforme o padrão do fabricante, existem os laudos de transferências que são obrigatórios.


Para que serve os laudos e a vistoria veicular?


O DETRAN (Departamento Nacional de Trânsito) exige este documento, para ter a certeza de que o veículo não possui nenhuma pendência financeira com instituições bancárias, ou com o próprio departamento em questões de multas e licenciamentos tudo estipulado através dos laudos de licença de funcionamento.

Além disso, através dessa documentação e dos laudos fotográfico veicular, o governo brasileiro estabelece regras para que a frota de veículos que transitam pelas ruas e estradas estejam de acordo com os padrões de segurança.

Para que esse trâmite da transferência de propriedade seja realizado, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) prevê a realização de uma vistoria do veículo, que dá origem a um laudo fotográfico para transferência. Cada estado é responsável por atender a população que reside em seu território, por meio dos departamentos regionais.


O que é observado na vistoria veicular?


Nessa vistoria será analisado toda documentação do veículo em questão e também a checagem para verificar se o mesmo está com as características originais de fábrica que designa até mesmo o laudo fotográfico do motor. Esse procedimento é realizado para garantir a segurança do comprador e das pessoas como um todo — atestando, ou não, de acordo com o CTB.

A vistoria veicular é uma avaliação obrigatória para os veículos que circulam dentro do território nacional e de esfera estadual, ou seja, de responsabilidade do DETRAN e que resulta em atestados e laudos para regularidade.

Algumas especificações visualizadas no dia da vistoria:

  • A legitimidade da propriedade do veículo;
  • A autenticidade da documentação;
  • Condições seguras que o veículo apresenta para uso.

Quando é obrigatório a vistoria veicular?


A realização da vistoria é obrigatória em situações de transferência e regularização de veículos, e também no licenciamento daqueles que têm mais de 5 anos de fabricação, alteração nas características originais do carro, mudança de categoria ou diante de situações de sinistro de seguros automotivos. Ela evita que os carros fora das especificações de fábrica ou que não estejam em boas condições de uso continuem a circular pelo país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close
!
Imagem animada do Facebook