Aprenda a empreender na área da enfermagem

Aprenda a empreender na área da enfermagem

Segundo o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), empreendedorismo é a capacidade de ideação, construção, gerenciamento e desenvolvimento de negócios tanto para o ambiente social como empresarial, o segmento de enfermagem também podem adotar técnicas de empreendedorismo em suas atuações, uma nova oportunidade para os técnicos de enfermagem e enfermeiros.

No empreendedorismo há a criação de novas ideias por meio da congruência entre imaginação e a criatividade. Para isso, no entanto,  é preciso ter autocrítica, autoavaliação e controle do comportamento, além de ter habilidade em organização, de liderar pessoas e claro, habilidade técnica, neste caso obtidas em cursos de enfermagem e especializações como por exemplo curso de oncologia.

Ninguém nasce empreendedor, mas é preciso desenvolver habilidades que favoreçam o comportamento empreendedor:

  • Estabelecimento de metas;
  • Planejamento e monitoramento sistemático;
  • Persistência;
  • Comprometimento;
  • Busca de informações;
  • Correr riscos calculados;
  • Busca de oportunidades e iniciativas;
  • Exigência de qualidade e eficiência;
  • Persuasão e redes de contatos;
  • Independência e auto confiança


Segundo pesquisa do do GEM (Global Entrepreneurship Monitor), em parceria com o Sebrae, no Brasil, em cada 100 brasileiros com idades entre 18 e 64 anos, 36 têm atividade empreendedora, somando a taxa de 36%, o maior índice dos últimos 16 anos.

O número de empreendedores no país  mais que triplicou, saltando de 14,8 milhões em 2008 para 49,3 milhões em 2018. Sendo que 60%, 29, 1 milhões de pessoas empreendem por oportunidade.

Estamos entre os 15 países mais empreendedores do mundo. Confira como os enfermeiros podem tornarem-se empreendedores:

Oportunidades de Empreendedorismo para Enfermeiros 

Home Care – o atendimento de home care é feito à domicílio. Pode ser utilizado em pacientes crônicos ou em casos pontuais para realização de exames, troca de curativos, entre outros.

Cuidador- quem faz o curso de cuidador atua no auxílio de pacientes da terceira idade para socialização e reabilitação.

Consultórios e Clínicas de Enfermagem – Os enfermeiros também podem montar suas próprias clínicas para atendimento ao público. Entre as atividades de cuidados à saúde que podem ser exercidas conforme regulamentação, destacamos  a assistência de enfermagem à gestante, parturiente e puérpera, acompanhamento da evolução e do trabalho de parto, execução do parto sem distocia, entre outros.

Atendimento Corporativo – Os  enfermeiros também podem atuar dentro do ambiente corporativo, oferecendo auxílio para trabalhadores com o curso de auxiliar de enfermagem  do trabalho.


Se você ficou interessado em trabalhar em datas e horários flexíveis e ser seu próprio chefe, avalie a grade curricular de enfermagem e visite uma escola de técnico de enfermagem. Os cursos para enfermagem ampliam a especialização  do profissional e garantem maiores oportunidades de trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close
!
Imagem animada do Facebook