Cardápio vegano para casamento é possível

Cardápio vegano para casamento é possível

O veganismo tem conquistado muitas pessoas no Brasil que por questões ambientais, respeito aos bichos e a favor da saúde têm optado por essa forma de alimentação que não contém produtos de origem animal. Por conta da quantidade de adeptos é preciso criar novos menus para atender esse público. Veja como o cardápio vegano para casamento é possível!

Bem-casado vegano

Diferentemente do que se costuma pensar é fácil de adaptar a receita de doce bem casado para produtos veganos. Afinal seja por tradição, ou por gosto, o bem casado casamento não pode ficar de fora da cerimônia, não é mesmo?

Para fazer a massa do bem casado vegano e sem glúten é necessário utilizar 260g de farinha de arroz, 60g de amido de milho, 1000g de açúcar demerara, 150ml de leite de arroz ou de amêndoas, 3 colheres de sopa de óleo de coco, 15 ml de suco de limão, 1 colher de café de sal, outra de extrato de baunilha e 2 colheres de chá de fermento químico.

Já o recheio para fazer a substituição do doce de leite convencional pela versão vegana requer 40g de castanha de caju sem sal, 40g de amendoins torrados sem pele, 200 ml de água, 1 colher de sopa de polvilho doce, 35g de açúcar mascavo, 1 colher de café de sal e outra de extrato de baunilha.

A loja de bem casados oferece sabores de bem casado que vão além do bem casado tradicional, para que dessa forma você consiga agradar a todos os gostos!

Você pode comprar bem casado desse modelo, e com outras variações de tipos e recheios, inclusive de bem casado de luxo.

Cardápio vegano

Antes de montar um cardápio vegano é necessário ter em mente no que consiste esse tipo de alimentação. Além das carnes vermelhas, assim como peixe e frango, os veganos não consomem nenhum tipo de produto que seja derivado dos animais, ou seja: manteiga, ovos, queijo e leite. 

Ao considerar essas informações, é possível montar um menu saboroso para a entrada incluindo quibe recheado de grão de bico e castanhas, cuscuz com pimentões e biquinho, sushi de vegetais, aspargos verdes grelhados ao aioli e amêndoas crocantes, ceasar salad no cone, e cogumelos com batatas rústicas.

Já os pratos principais não precisam (e nem devem) se resumir a saladas mais incrementadas, você pode escolher pratos quentes como robata de carne de soja com purê de mandioquinha, hambúrguer de berinjela com batata rústica, suflê de legumes, torta de cebola e sementes,  bobó de coco, risoto de arroz vermelho com shitake, curry de lentilha com arroz de coco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close
!
Imagem animada do Facebook