Conheça os principais tipos de mármores

O mármore é um material que sempre se destaca nas construções, ele faz toda a diferença no ambiente e encanta os mais diferentes gostos para acabamento de residências e estabelecimentos comerciais, especialmente por sua beleza e variedades.

Embora muitas pessoas saibam que existem diferentes tipos de mármores disponíveis no mercado, nem todos sabem quais são as verdadeiras diferenças entre eles e em que ambiente usar cada tipo de mármore.

Diante disso, selecionamos tudo o que você precisa saber sobre os principais tipos de mármores, tipos de acabamento e se vale a pena contar usar mármore em suas obras. Continue lendo e saiba mais sobre o assunto!

Tipos de mármores

O mármore é um tipo de rocha metamórfica, isto é, é uma pedra derivada de outra rocha de calcário que sofreu com altas temperaturas e pressão ao longo do tempo. O mármore é uma pedra que se popularizou com o tempo, mas mesmo assim, as empresas de marmorarias continuam oferecendo preços mais salgados para os clientes em comparação às lojas que vendem granito.

Confira os tipos mais comuns e mais comercializados de mármores:

  • Branco carrara: é uma pedra de origem italiana e tem a cor branca como principal característica;
  • Nero: é uma peça bem escura com alguns detalhes claros, que se destaca bastante nos ambientes;
  • Travertino: também tem cores claras, no entanto são cores mais voltadas para o bege;
  • Calacatta Oro: uma das peças mais valorizadas no mercado, possui uma cor clara com detalhes cinzas ou dourados;
  • Piguês: lembra a peça de mármore de Carrara, porém possui uma aparência mais homogênea.

E aí, já escolheu seu favorito?

Tipos de acabamentos para mármores

A escolha do acabamento do mármore irá depender principalmente do local onde será feita a instalação das peças. Recomendamos que você conte com profissionais de marmorarias para que seja realizado o acabamento da melhor qualidade possível.

Confira os tipos mais comuns de acabamento nas peças de mármore:

  • Resinado: muito utilizado em locais com umidade, como cozinhas e banheiros;
  • Polimento: perfeito para você que quer garantir um brilho extra em suas peças, não é indicado para áreas externas;
  • Jateado: indicado para usos em áreas externas;
  • Bruto: recomendado para pessoas que preferem utilizar a pedra em seu estado natural;
  • Levigado: deixa a pedra com um aspecto liso, mas sem brilho;
  • Cristalização: a melhor forma de usar o mármore como piso.

Vale a pena usar mármore em obras?

Esse é um dos questionamentos mais comuns de quem está começando a planejar uma obra. Embora o preço das peças de mármore seja um fator muito importante a ser considerado, ele não é o único, é essencial considerar a durabilidade da peça e se ela combina com o restante do ambiente.

Afinal, não adianta fazer esse grande investimento se a pedra não for valorizar o imóvel, ou seja, essa pedra é indicada para projetos com maior requinte. A escolha irá depender do tipo de projeto que você pretende inserir as peças de mármore.

Conheça os principais tipos de mármores

Conheça os principais tipos de mármores

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close
!
Imagem animada do Facebook