Por que o índice de perda e desperdício de água cresce? Como evitar esse problema?

Por que o desperdício de água potável cresce? Como evitar esse problema?

O Brasil, no ano de 2015 estava na 20° posição em um ranking em relação à perda de água potável, e pedidos de caminhão pipa para solucionar essa questão também sobe em relação aos outros anos , de acordo com a IBNET (International Benchmarking Network for Water and Sanitation Utilities).

Geralmente, esse desperdício de água potável está associado a vazamentos e ligações clandestinas e nesse mesmo ano o desperdício chegou à 5,8 trilhões de litros de água, essa mesma quantidade abasteceria a cidade de São Paulo por quase 8 anos.

Em 2016, esse número cresceu e o desperdício subiu para 38% e novamente foi ocasionado pelos mesmos motivos. Alguns profissionais da área acreditam que a crise de falta de água no estado de São Paulo daquele ano colaborou com esse desperdício.

A locação de caminhão pipa naquele ano foi muito solicitada e quando a cidade foi sendo reabastecida as tubulações estavam enfraquecidas e com a alta pressão da volta d’água, essas tubulações apresentaram falhas e vazamentos.

As tubulações instaladas para passagem de água são antigas e não possuem manutenção periódica, o racionamento de água é comum em algumas cidades do Brasil, e quando o fornecimento de água é liberado, volta com muita força e acompanhada de ar, ocasionando o rompimento das tubulações, causando desperdícios.

De acordo com a Agência Nacional de Águas (ANA), o consumo de água urbana é de apenas 9% enquanto na agricultura chega a 72%. Por mais que a água seja fundamental para sua produção, o desperdício de água para essa prática chega a 50% por conta da evaporação. Estudos estão sendo realizados para que mude esse número.

O abastecimento de água potável do país é cada vez mais precário e a crise da falta d’água é comum, para evitar que isso aconteça é necessário uma conscientização de todos.

Para ajudar o meio ambiente, verifique possíveis vazamentos de água, feche o registro do hidrômetro quando não estiver em uso e mude sua rotina na hora de lavar seu carro, tomar um banho ou lavar o quintal, cada detalhe faz diferença.

Solicitação por fornecimento de água cresce em épocas de falta de chuva


Com as temperaturas quentes no decorrer do ano, a falta de chuva e o desperdício de água da população, os reservatórios começam a secar e entram em estado de alerta, sendo necessário o aluguel de caminhão pipa.

As empresas de abastecimento de água são mais solicitadas quando o assunto é água potável para condomínios, alguns bairros de São Paulo estão reutilizando água para limpeza, mas nem sempre é o suficiente.

A água potável para hospitais e escolas quando o estado entra em crise são priorizadas pelas empresas de caminhão de água, e a procura é tão grande nessas épocas que os mesmos chegam a negar fornecimento para alguns estabelecimentos.

Em média a cidade de São Paulo possui vinte e cinco empresas cadastradas na prefeitura para fornecer água potável para a sociedade, essas empresas para funcionarem, necessitam de quatro autorizações para trabalharem legalmente, inclusive o laudo de potabilidade de água dos poços artesianos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Close
!
Imagem animada do Facebook